quinta-feira, 28 de novembro de 2013

Caminho #1

Há tanta coisa a aprender
que eu não sei ser eu
Há uma ausência de refúgio
que expões meus anseios
E eu não sei
até quando essa inerência
vai me acalmar
E o momento desperdiçado
, apenas sentindo o peso do tempo,
vai organizar minhas ideias
Tantas delas sufocam
Encontram refúgio para me atormentar
Mas eu sei
, que de alguma forma torta,
o que conheço vai me guiar
a novos horizontes
Mesmo que não queria ir

Um comentário:

Cybelle Godinho disse...

novos horizontes e novos tempos pra ser ti e se encontrar